Um emissor de NFe que vai facilitar sua vida

Solução da SIEG agiliza processos e reduz tempo gasto com burocracia

Desde que a Secretaria da Fazenda anunciou que as Sefaz estaduais deixariam de atualizar o sistema emissor da NF-e (nota fiscal eletrônica), as empresas precisam buscar outras opções para emitir suas notas fiscais eletrônicas. A própria Secretaria recomenda o uso de alternativas para gerar notas, já que o programa não registra mais mudanças de regras na validação de NF-e. Isso gerou uma corrida por parte dos empreendedores e muitos ainda ficam com dúvidas sobre o que buscar em um emissor. Afinal, para que serve e o que ele agrega à rotina fiscal da organização?

No contexto atual, saem na frente os emissores de NF-e que oferecem todas as regras tributárias, facilitam o preenchimento de dados e atendem às necessidades das empresas. Esse é o caso, por exemplo, do emissor da SIEG. A companhia, que é um dos principais players do segmento de soluções fiscais na América Latina, com uma base de 35 mil empresas utilizando seus serviços, oferece um dos modelos mais completos de emissor.

Diferente do sistema que era disponibilizado pela Sefaz, que exigia que o usuário digitasse informações nota por nota, o que dificultava o trabalho em empresas com um volume elevado de notas, o Emissor SIEG cadastra dados para que seu uso seja otimizado. O sistema possibilita o cadastro de clientes, fornecedores, produtos e transportadores, para que o usuário não precise digitar os dados toda vez que for emitir uma nota.

Além disso, ele tem uma configuração de impostos que também facilita o trabalho. Esse é um trabalho complexo que, se feito nota a nota, gera uma grande consumo de tempo da equipe. O emissor, no entanto, faz um registro desses dados para que seja necessário incluí-los apenas uma vez.

Outro fator importante é que o emissor permita ao responsável financeiro da empresa enviar a NFe por e-mail ao cliente na hora em que ela for emitida. O da SIEG disponibiliza essa função e dá acesso a um painel em tempo real ao contador, que não precisará mais cobrar os XML das notas de saída. O emissor da SIEG, ao ser integrado ao Cofre SIEG, também permite o armazenamento seguro de todas as suas notas fiscais.

Para os contadores que atendem várias empresas ao mesmo tempo, a SIEG oferece soluções personalizadas, com planos especiais.

Para conhecer melhor os serviços da SIEG, acesse www.sieg.com

Por Simão Mairins 

Fonte: Administradores.com

            Portal Contábeis